Wana Química

Sherwin-Williams abre 30 vagas para Treinamento Técnico sobre Inspeção de Pintura (TIP)

06/08/2019 - 16:08

As inscrições podem ser realizadas pelo e-mail ou telefone, as aulas acontecem nos dias 15 e 16 de agosto de 2019 no centro de treinamento da multinacional

A Sherwin-Williams, maior empresa de tintas do mundo e que neste ano completa 75 anos de atuação nacional, está com as inscrições abertas para o treinamento técnico gratuito de Inspeção de Pintura (TIP). Ao todo são 30 vagas, com carga horária de dois dias, totalizando 16h. As aulas ocorrerão no centro de treinamento da empresa em Sumaré, ministrada pelo engenheiro Celso Gnecco, gerente de treinamento técnico da Sherwin-Williams e professor nos cursos de formação de Inspetor de Pintura nível 1 e 2 da ABRACO.

O curso é voltado para clientes da Sherwin-Williams e profissionais que participaram dos módulos anteriores de pintura de proteção anticorrosiva (CTS), ensaios em tintas anticorrosivas (ETA), pintor mestre (CPM). “O conteúdo do TIP irá abordar os seguintes temas: 1 - limpeza de superfície (jato seco); 2 - limpeza de superfície (hidrojato); 3 - perfil de rugosidade; 4 - aderência por tração; 5 - contaminantes de superfície; 6 - medidas de espessuras; 7 - umidade relativa do ar e temperaturas e 8 - preparação das tintas para aplicação,” explica Celso Gnecco, gerente de treinamento técnico da unidade.

Para participar os interessados devem se inscrever pelo e-mail: leticia.domingos@sherwin.com.br ou pelo telefone (19) 2122-8833. “A abordagem teórica que apresentaremos busca atrair engenheiros de projetos e de produção, pessoal da qualidade, inspetores de pintura, inspetores de equipamentos, encarregados de montagem, técnicos de manutenção, representantes comerciais, vendedores de tintas, pintores ou encarregados de pintura,” conta Gnecco.

Durante o período das aulas serão distribuídos gratuitamente todos os materiais de apoio necessários, incluindo apostila técnica. No final do treinamento será emitido um certificado ao participante que cumprir acima de 75% da carga horária total exigida.

  Mais notícias