AkzoNobel busca insight brasileiro para aperfeiçoar seus produtos e processos

22/05/2020 - 19:05

Desafio sobre novas funcionalidades é o tema da live Paint The Future no dia 26 de maio, às 17h. Como a tecnologia ou os ingredientes de sua startup podem trazer novas e empolgantes funcionalidades para o negócio de tintas e revestimentos?

Se o cenário é desafiador, a AkzoNobel reafirma sua vocação para a inovação e o seu comprometimento com o modelo colaborativo de desenvolvimento de ideias, com a realização do Paint the Future - Startup Challenge Brazil. A novidade é que, pela primeira vez, a multinacional holandesa do segmento de tintas e revestimentos está realizando uma edição regional do seu programa colaborativo de inovação, com foco em startups. E o Brasil foi escolhido, entre os mais de 150 países em que a AkzoNobel está presente, para receber a iniciativa, com inscrições abertas até 19 de junho. Para interagir com os interessados em inscrever seus projetos, a empresa está preparando lives sobre cada tema que busca soluções.

No Brasil, o Paint The Future conta com o apoio da LM Ventures, que estima a existência de um ecossistema de 12 mil startups em 30 comunidades espalhadas pelo país. Elas têm acesso à plataforma aberta criada especialmente para a edição brasileira pelo link https://www.letspaintthefuture.com/pt-br/brasil-challenge, na qual é possível interagir com a comunidade online em busca de melhorias para as soluções propostas. No site, é possível encontrar detalhes sobre os quatro temas, o processo de cadastro e as etapas do desafio.

Na terça-feira, dia 26 de maio, às 17h, a AkzoNobel realiza uma live via Zoom Meetings (acesso via aplicativo ou navegador, pelo link https://bit.ly/PTFNovasFuncionalidades) sobre um dos desafios propostos pelo Paint The Future: Novas Funcionalidades. Entre os participantes da AkzoNobel para esse tema, tirando dúvidas e compartilhando informações, estarão Elaine Poço, diretora de Sustentabilidade e RD&I da AkzoNobel, e Deyse Cipriano, especialista em Compras e também a capitã do time Paint the Future para esse desafio específico. Víctor Macul, coordenador do Centro de Empreendedorismo (CEMP) do Insper, será o convidado especial desse bate-papo.

Um revestimento inteligente? Superfícies mais limpas e por mais tempo? Simplificação de processos? Com esse tema, a busca é por tecnologias que possuam uma nova funcionalidade que torne a tinta ou os processos mais sustentáveis, responsivos ou adaptáveis. Uma solução para resolver uma necessidade do cliente ou aumentar a atual performance ou competitividade do produto. Essa vai ser a oportunidade dos interessados em participar desse desafio conhecerem um pouco mais a empresa nesse aspecto, tirarem dúvidas e trocarem ideias com um time de especialistas da AkzoNobel e da LM Ventures.

Além de colaborar na solução de um desafio relevante, podendo colocar em prática soluções sustentáveis e inovadoras, os vencedores do Paint the Future - Startup Challenge Brazil serão premiados com a cooperação e o apoio necessários para dar vida às suas ideias e viabilizá-las comercialmente. De acordo com o perfil do projeto, isso pode incluir orientação; acesso a clientes, investidores, especialistas no assunto e mercado; programa de aceleração; ter a AkzoNobel como cliente, investidora inicial ou organizando parcerias; entre outras alternativas.

  Mais notícias