Em diferentes eventos, Abrafati explica os impactos do novo conceito de rendimento acabado

17/12/2020 - 11:12

No início de dezembro, workshop, live e palestra abordaram o tema e mostraram como a informação deve ser apresentada nas embalagens

No dia 26 de março de 2021, entra em vigor o novo conceito de rendimento acabado para tintas látex nas cores claras e vernizes à base de solventes. Essa melhoria foi definida no final de 2019, dentro do processo de revisão normativa, com prazo de 18 meses para vigência. O objetivo foi trazer maior clareza e uniformidade à informação sobre o rendimento, criando a exigência de que esteja indicado, na embalagem, quantos metros quadrados o volume de tinta ali contido cobre completamente.

Agora, faltando cerca de 100 dias para esse prazo, o interesse pelo tema - e pelas medidas necessárias para se ajustar às novas regras - está muito forte. Por isso, a Abrafati está desenvolvendo diversas ações para esclarecer esse novo conceito e seus impactos aos diversos públicos envolvidos com as tintas (fabricantes, fornecedores de matérias-primas e embalagens, revendedores, pintores, construtores, responsáveis por compras em empresas, arquitetos, decoradores e consumidores). Dentro desse conjunto de ações, nos últimos dias três eventos destacaram o novo conceito de rendimento acabado.

O primeiro deles foi um workshop, que reuniu mais de 110 profissionais dos 42 fabricantes que participam do PSQ, no dia 03/12. Depois de uma apresentação inicial sobre o tema, feita por Anne Costa, coordenadora técnica da Abrafati, ela e mais cinco especialistas ligados ao PSQ e à Associação responderam às dúvidas enviadas antecipadamente ou durante o evento: Fabio Humberg, diretor de Comunicação e Relações Institucionais da Abrafati; Jairo Cukierman, diretor da Tesis Engenharia; Marcelo Bulgueroni, diretor jurídico da Abrafati, Rafael Baitz, advogado do PSQ, e Wiliam Saraiva, coordenador do CB-164 (Comitê Brasileiro de Tintas da ABNT). O Workshop de Uniformização pode ser assistido em https://youtu.be/pJCEAkqq718.

Na sequência, vieram duas apresentações sobre o mesmo tema: em 08/12 Anne Costa falou em live do Sitivesp direcionada aos pintores, explicando as mudanças na forma de comunicar o rendimento nas embalagens; e dois dias depois foi a vez de Jairo Cukierman abordar, no 49º Fórum Paint & Pintura, a evolução normativa que levou ao novo conceito de rendimento acabado.

Novas ações estão programadas ao longo das próximas semanas, para difundir cada vez mais essa informação, que também já vem sendo replicada por outros players do setor.

  Mais notícias