Pinta Mundi Tintas participa de feira de franquias virtual

03/09/2020 - 13:09

Empresa já soma mais de 30 unidades franqueadas

Na final do mês de agosto, a Pinta Mundi Tintas participou da Feira Virtual de Franquia, que foi realizada para investidores do estado de São Paulo. Essa é uma nova modalidade de realizar negócios, diante do isolamento social necessário diante da pandemia, e se traduz em uma forma de conhecer marcas de seu interesse, com foco no negócio: por meio do agendamento de reuniões virtuais, o candidato marca horários apenas com as marcas que lhe interessam, investindo tempo em conhecê-las melhor.

Como a Pinta Mundi tem foco especial na capital paulista e em cidades do estado com população acima de 40 mil habitantes, o evento foi interessante. “Essa é uma boa hora para se investir em uma marca que se manteve atuante durante toda a pandemia, obteve excelentes resultados em vendas e não apresentou queda de faturamento”, afirma Nassim Katri, franqueador. Pinta Mundi é uma varejista de tintas e acessórios para pintura com 30 anos de história e parceria com indústrias de tintas, como Sherwin-Williams, Suvinil e Coral, além de acessórios como Condor e Tigre. A rede é composta por mais de 30 lojas e está emexpansão.

Uma loja compacta da marca exige investimento a partir de R$ 159 mil. “Trata-se de uma franquia com operação de baixa complexidade, que permite ao franqueado trabalhar com apenas um colaborador, em horário comercial. Por ser uma operação com tais características, permite ao franqueado ter flexibilidade de horários. Sempre dizemos que nosso negócio não admite escravos”, brinca Katri. “Ele é feito para empreender e gerar excelente lucratividade, com todos os franqueados performando acima das metas estipuladas. Temos esse resultado apresentado de janeiro a junho de 2020 e boa parte deles já com o retorno do investimento inicial apurado, algo raro de se alcançar no franchising no primeiro ano”, orgulha-se o franqueador. A meta da rede é finalizar 2020 com 40 lojas.

A Pinta Mundi tem algumas características muito particulares, como franquia. “Em primeiro lugar, é uma marca desburocratizada, que tem como princípio facilitar a operação da unidade franqueada. Para se ter ideia, o franqueado compra diretamente do fabricante homologado pelo franqueador, o que reduz custos e prazos de entrega e aumenta as margens de lucro, além de proporcionar flexibilidade nos prazos de pagamento. A franqueadora negocia os preços pelo volume de vendas, mas o franqueado compra diretamente, conforme o perfil de seu público consumidor. Não impomos compras mínimas ou produtos que ficarão encalhados em estoque porque não correspondem ao que é vendido naquela região, por exemplo”, explica Katri. O próprio leiaute da loja proporciona facilidade na operação e permite ao cliente visualizar os produtos, bem como a torna atrativa no investimento inicial. “A loja foi pensada para ser eficiente, bonita e de baixo investimento. Expomos os produtos de maneira organizada e é do interesse do consumidor observar as latas de tinta e os acessórios, então, não é necessário investir em alta complexidade de materiais, que encareceriam o projeto. Com todo esse estudo, conseguimos fixar o valor de investimento em uma loja compacta completa (80 m2) iniciando-se em R$ 159 mil, já com a taxa de franquia inclusa”, diz Shirleine Diniz, executiva à frente da expansão da marca e responsável pela abertura de novas lojas franqueadas.

  Mais notícias

Coral Sayerlack Anuncie aqui