Movimento Construção Saudável promove evento sobre a importância das causas sociais

26/03/2021 - 13:03

O Movimento Construção Saudável promove o debate "Propósito e Causa - Por que as empresas devem adotar em sua governança as causas sociais?". O evento acontece em 14 de abril, às 9:30h, no InovaBraHabitat e será transmitido ao vivo pela internet. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui.

Com mediação do professor doutor Júlio Cesar Barbosa, diretor executivo do Movimento Construção Saudável, Viviane Mansi, presidente da Fundação Toyota do Brasil, e Fabiola Vasconcelos Cecon, presidente do Movimento Construção Saudável, conversam sobre a importância de adotar causas sociais, os problemas de saúde causados pelos alergênicos e a importância do ensino sobre impermeabilização para os profissionais de arquitetura e engenharia.

O painel sobre Saúde e Educação será mediado por Danilo Pastorelli, mestre em economia e sócio-proprietário da Invictus desenvolvimento humano. Ele conduzirá a discussão sobre os pilares que sustentam a causa impermeabilização é saúde, a relação entre educação e saúde e o comportamento humano como foco de mudanças efetivas para a conscientização da sociedade, com a participação de Fábio Soares, engenheiro Civil, doutorando e pesquisador CNPq.

Em consonância com o ODS 3 (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável), Boa Saúde e Bem-estar, da ONU (Organização das Nações Unidas), o Movimento Construção Saudável assumiu um grande compromisso com a sociedade brasileira: de propiciar qualidade de vida pela adoção de conceitos fundamentais ao conhecimento e à prática da impermeabilização como fator de melhoria da saúde. "O objetivo do Movimento é sensibilizar diretores, gerentes de marketing e sustentabilidade sobre a importância da nossa causa. No evento, falaremos sobre como a união entre educação e tecnologia podem trazer benefícios à saúde humana. Como o comportamento humano é um desencadeador de novos valores sociais e a tecnologia para a disseminação em larga escala de conceitos e práticas para a construção saudável", conta Fabiola.

Viviane acredita que as causa sociais devem fazer parte do propósito de uma empresa. "No Brasil, temos uma alta demanda social, são muitas questões que precisam ser melhoradas e que necessitam de um olhar das empresas. Não consigo imaginar uma empresa que sobreviva sem considerar seu impacto na sociedade. É nosso dever contribuir para resolver grandes questões sociais, mais do que vender produtos, temos que ter uma atuação social. É impossível ignorar o ambiente em que vivemos e as questões sociais do país. Tudo está conectado e é nosso dever nos perguntarmos como podemos fazer parte da solução".

  Mais notícias

Coral Luztol Anuncie aqui