Pintor cria o projeto Grafite na Pandemia

01/07/2021 - 10:07

Ação tem o objetivo de colorir hospitais

O pintor Roberto Alves enxerga o seu trabalho como uma poderosa ferramenta de transformação e, durante a pandemia, percebeu que, por meio da sua arte, poderia trazer alegria às pessoas que estão hospitalizadas ou trabalhando em hospitais. Foi então que o profissional da pintura criou o projeto Grafite na Pandemia, revitalizando 162 metros da fachada do Hospital Santa Marcelina, em Itaquera (zona leste de São Paulo). O trabalho foi concluído no final do mês de junho.

O pintor comenta que a intenção é continuar a ação em outros hospitais da cidade. “O projeto foi voluntário, mas tive parceiros que doaram os materiais, como Futura Tintas, Cologin, WBR Wagner e Sherwin-Williams. A ABRAPP e o MBPM participaram ativamente, agradeço também o apoio profissional do Bruno Alves e do Sandro Oliveira. Escolhi imagens para homenagear os profissionais de saúde. Eu acredito que a minha profissão tem a capacidade de alegrar. O meu maior pagamento é ver as pessoas passando em frente ao hospital e comentando como está bonito, fico muito feliz”.

Antes da pintura, Alves realizou algumas correções nas irregularidades do muro, tapando as fissuras e as rachaduras. Também foi realizada toda a restauração do muro. “Eu trabalho com pintura imobiliária e sei que, para o serviço ser duradouro, a área precisa receber preparação”.

  Mais notícias

Coral Luztol Anuncie aqui