Wana Química

AkzoNobel premia fornecedores por sua colaboração e desempenho

01/11/2019 - 17:11

BASF foi um dos fornecedores premiados na primeira edição do Supplier Collaboration Awards

O CEO global da AkzoNobel, Thierry Vanlancker, entregou o Supplier Collaboration Awards aos cinco principais fornecedores com melhor desempenho no Brasil. A cerimônia foi realizada, em 1º de outubro, durante o Congresso da Abrafati. Os cinco principais fornecedores foram reconhecidos por suas contribuições, depois de um trabalho de rastreamento, durante um ano e meio, dos fornecedores de matérias-primas. Os vencedores foram: BASF, Ipel, LyondellBasell, Polystell e Wana, que receberam a maior pontuação média nos últimos 18 meses nas cinco categorias de avaliação; qualidade, entrega, custo, inovação e desempenho de sustentabilidade.

Colaboração com fornecedores

O Supplier Collaboration, programa global de produtividade na cadeira de suprimentos implementado pela AkzoNobel em diversos mercados, chegou em 2018 ao Brasil, em um lançamento que envolveu os principais fornecedores da empresa, que puderam conhecer os detalhes do programa e a partir daí traçar metas e ações conjuntas executadas durante o segundo semestre de 2018 e primeiro trimestre de 2019. A iniciativa propõe uma abordagem focada em melhorias contínuas e sustentáveis nos processos dos fornecedores da empresa, sugere redução de retrabalhos e desperdícios, além de oferecer capacitação profissional, visando maior excelência nas entregas.

Ao colaborar com fornecedores, em vez de apenas avaliá-los sobre preços e termos e condições, a AkzoNobel está continuamente buscando melhorias sustentáveis, por exemplo, sua pegada de carbono, lead times e inventários, consumo de energia e resíduos. “Trabalhar em conjunto resulta em valor para toda a nossa cadeia de suprimentos, mas também para nossos fornecedores, pois podemos ser clientes lançando seus produtos no mercado”, afirma Daniel Campos, presidente da AkzoNobel para a América do Sul.

Os projetos em execução e finalizados incluem otimização logística, redução do prazo de entrega, matérias-primas alternativas, um novo sistema de planejamento para material de embalagem e uma nova embalagem para o segmento de Tintas Decorativas.

  Mais notícias